Município entregou prémios e lembranças do evento “Sabores do Campo – Gastronomia de novembro” com balanço muito positivo

“Sabores do Campo – Gastronomia de novembro”

“Sabores do Campo – Gastronomia de novembro”

2.º lugar_ Água_Pé

3.º Lugar_Camelo

DSC_0080

DSC_0083

Com o prato “Cabaz do campo com pernil defumado e legumes no forno”, o Restaurante e Atelier Gastronómico “Sra. Peliteiro”, foi o vencedor do Concurso Gastronómico realizado no âmbito da terceira edição da iniciativa “Sabores do Campo – Gastronomia de novembro”, tendo arrecadado também a Menção Honrosa “Inovação”.

O segundo lugar coube ao Restaurante “Água Pé”, de Esposende, que concorreu com o prato “Grelhado do vazio de boi trinchado”, recebendo a Menção Honrosa “Acompanhamento Vinho”. O Restaurante “Camelo”, de Apúlia, classificou-se em 3.º lugar, com “Esparguete de coelho” e foi distinguido com as Menções Honrosas “Ambiente” e “Preço/Qualidade”.

A Menção Honrosa “Higiene” foi atribuída ao Restaurante “Bar da Praia” e a distinção relativa à “Promoção Própria” ao Restaurante e Pizzeria “Siamo in Due”, sendo que o Restaurante “Varandas do Cávado” arrecadou as Menções Honrosas “Qualidade do Serviço” e “Acompanhamento Guarnição”.

Nesta edição da iniciativa “Sabores do Campo – Gastronomia de novembro” participaram 22 unidades de restauração, 9 das quais aderiram ao concurso gastronómico, e 6 pastelarias locais.

Incrementado com o propósito de promover a gastronomia e os produtos endógenos da região, combatendo a sazonalidade e cativando clientes para a restauração e hotelaria, na época baixa, este evento gastronómico tem continuidade garantida, assegurou o Presidente da Câmara Municipal de Esposende, na cerimónia de entrega dos prémios e certificados, que decorreu, no passado dia 5 de dezembro, no Centro de Informação Turística de Esposende.

Benjamim Pereira expressou o interesse e a motivação do Município em manter quer esta iniciativa quer o evento “Março com Sabores do Mar”, numa aposta turística da maior importância para o concelho. O Autarca aproveitou a oportunidade para chamar a atenção para um conjunto de incentivos camarários ao comércio, que se refletem também ao nível do setor da restauração. Apontou concretamente a dinamização de atividades com a intenção de atrair gente ao concelho e deu como exemplo a pista de gelo sintética que estará instalada na cidade, no âmbito do programa de animação natalícia, desenvolvido em parceria com a Associação Comercial e Industrial do Concelho de Esposende (ACICE), com o intuito também de cativar clientes para o comércio tradicional.

A redução do IMI em 2014, a isenção de taxas de publicidade e de horário foram outros exemplos referidos pelo Presidente da Câmara Municipal, que realçou também o facto de o Município, mais precisamente a empresa municipal Esposende Ambiente, não aumentar o preço da água, suportando o valor da inflação. “Pequenas medidas” que visam apoiar o setor, ajudando a ultrapassar esta fase de maiores dificuldades, referiu.

A terminar a sua intervenção, Benjamim Pereira agradeceu a participação dos restaurantes e pastelarias aderentes e a colaboração dos vários parceiros e do júri do concurso gastronómico nesta edição dos “Sabores do Campo” e felicitou os vencedores, assinalando que “o que importa mesmo é participar”.

Traçando um balanço positivo de mais uma edição do concurso gastronómico, o Presidente do Júri realçou a evolução ao nível das ementas e do serviço, destacando o empenho dos restaurantes no certame. Paulo Sá Machado reiterou o desafio às unidades de restauração que não concorreram para que participam na próxima edição, considerando que só têm a ganhar com o desafio.

Em jeito de sugestão, o porta-voz do júri falou na possibilidade de as unidades de restauração concelhias definirem um prato característico da região, apresentando-o como sugestão durante todo o ano. Com efeito, é intenção do Município reunir, em janeiro próximo, todos os empresários do setor e diversos técnicos da área da restauração, entre os quais alguns que têm vindo a colaborar com as iniciativas “março com Sabores do Mar” e “Sabores do Campo – Gastronomia de novembro”, para definir estratégias para este setor, sendo certo que está em perspetiva, entre outras ações, criar um prato gastronómico típico do concelho de Esposende.

Esta entrada foi publicada em Ambiente, Cardápio, Câmara Municipal de Esposende, Concurso, Esposende, Eventos, Gastronomia, Sabores do Campo, Turismo com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s